Leituras do Mês: Agosto (2017)

by - setembro 12, 2017


Agosto foi e provavelmente continuará sendo o mês em que mais li esse ano. Fiquei bastante satisfeita com as minhas leituras, não tanto pela quantidade em si, mas mais pela qualidade, que no geral foi muito boa.

Capas dos livros Minha Lady Jane, Ladrões de Sonhos, Picta Mundi, Por Lugares Incríveis, Fissura e Boneco de Neve

1 - Minha Lady Jane - Cynthia Hand, Jodi Meadows, Brodi Ashton

Sinopse: Toda história tem sempre duas versões…
Inglaterra, século XVI, dinastia Tudor. O jovem Rei Eduardo VI está à beira da morte e o destino do país é incerto. Para evitar que o poder caia em mãos erradas (leia-se: nas mãos de Maria Sangrenta), Eduardo é persuadido por seu conselheiro a nomear Lady Jane Grey, sua prima e melhor amiga, como a legítima sucessora
Aos 16 anos, Jane está em um relacionamento muito sério com seus livros até ser surpreendida pela trágica notícia de que terá de se casar com um completo estranho que (ninguém lembrou de contar para ela) tem um talento muito especial: a habilidade de se transformar em cavalo. E, pior ainda, descobre que está prestes a se tornar a nova Rainha da Inglaterra!
Arrastada para o centro de um conflito político, Jane suspeita de que sua coroação na verdade esconde um grande plano conspiratório para usurpar o trono. Agora, ela precisa definitivamente manter a cabeça no lugar se… bem, se não quiser literalmente perder a cabeça.
Um rei relutante, uma rainha-relâmpago ainda mais relutante e um nobre (e) garanhão puro-sangue que não se conformam com o destino que lhes foi reservado; uma história apaixonante, envolvente, cativante, sedutora… e mais uma porção de sinônimos que só Lady Jane seria capaz de listar. Tudo com uma leve semelhança com os fatos históricos.
…afinal, às vezes a História precisa de uma mãozinha

Esse livro foi mais leitura de julho do que de agosto, porque comecei a ler tão logo ganhei de aniversário, mas acabei finalizando somente no mês seguinte. Eu simplesmente amei essa história e o fato das autoras terem transformado um acontecimento real e trágico em algo mágico, bonitinho e cheio de humor. Eu fiz resenha de Minha Lady Jane, então não vou me prolongar mais nos comentários.

-----❤❤❤-----


2 - Ladrões de Sonhos - Maggie Stiefvater

Sinopse: Ladrões de sonhos, o segundo volume da Saga dos Corvos, traz de volta a imaginação selvagem e as reviravoltas eletrizantes que somente uma autora original como Maggie Stiefvater é capaz de criar.
Ao lado de Blue, os garotos corvos — o privilegiado Gansey, o torturado Adam, o espectral Noah e o sombrio e perigoso Ronan — continuam sua busca pelo lendário rei galês Glendower. Mas suas explorações enfrentam um duro contratempo conforme segredos, sonhos e pesadelos começam a enfraquecer a linha ley — um canal invisível de energia que conecta lugares sagrados e que pode levá-los até o rei.
Será por isso que a floresta mística de Cabeswater sumiu inexplicavelmente? Quem é o misterioso Homem Cinzento e por que ele está procurando o Greywaren, uma relíquia que permite tirar objetos de sonhos? E o que isso tem a ver com o indecifrável Ronan?
Conforme Blue e os garotos corvos procuram respostas a essas e outras questões, o perigo que os envolve se torna cada vez mais real, e será preciso apostar todas as fichas nessa aventura enigmática.

Esse é o segundo volume da série dos Garotos Corvos e apesar de gostar muito dessa história, tenho vários problemas com a narrativa da autora e com a forma com que algumas coisas são abordadas (ou deixam de ser). Eu achei que iria gostar mais desse livro por ele ter um foco maior no Ronan, que é um dos meus personagens preferidos, mas me conectei bem mais com o primeiro. Achei que o tempo todo a autora fica preparando o leitor para algo grandioso que está para acontecer e o final é super corrido e com soluções fáceis demais. 
Também é introduzido um personagem, o Homem Cinzento, que até agora estou me perguntando qual foi a grande relevância dele pra história. Criei altas expectativas em torno dele e parecia que estava ali só por estar. Fora que aparentemente todo mundo estava super de boa com o fato dele ser um assassino de aluguel e isso simplesmente não foi aceitável para mim.
Outra coisa que me incomoda é a falta de foco e desenvolvimento na Blue. Ela aparece de vez em quando na história, como se ela estivesse sobrando no meio da vida dos meninos. No começo achava que ela seria praticamente a protagonista, mas ela tem ficado muito esquecida e isso torna difícil eu me importar ou me envolver com a personagem. 
Mas, mesmo com esses poréns, vou continuar acompanhando a história, até porque aconteceu algo no final que tô louca pra saber como vai se desenrolar.

-----❤❤❤-----

3 - Picta Mundi - Gleice Couto

Sinopse: A vida da jovem Letícia virou de cabeça pra baixo após a morte de Raul, seu pai. Até mesmo o colégio onde estuda, o renomado Dippel – um reduto de jovens prodígios, perdeu a pouca graça que tinha. Mas as coisas começam a mudar quando descobre que o desaparecimento de Felipe, o aluno mais promissor do colégio, e a morte de Raul poderiam estar interligados. Daniel, irmão de Felipe, afirma que Raul pode estar vivo, mas, assim como seu irmão, preso em um mundo paralelo dentro de quadros, Picta Mundi. Ao que tudo indica, porém, Raul desaparecera ao procurar os objetos mágicos que os libertariam daquele universo. Agora, somente Letícia pode ajudá-los. Para isso, terá que entrar em Picta Mundi e, junto com Felipe, procurar por seu pai e reunir os itens mágicos. A tarefa não será nada fácil. Em meio a várias aventuras em quadros que retratam momentos da história do Brasil, como os bailes de máscara do início do século XX ou uma aldeia de índios tupinambás no século XVI, eles terão seus conhecimentos e coragem testados em enigmas, passagens secretas, e confrontos com seres perigosos, liderados pelo maligno Donato, que também está atrás dos itens mágicos, mas com o objetivo de usá-los para o mal: dominar Picta Mundi.

Esse livro foi uma grata surpresa. Estava vendo os histories do Instagram um dia e vi que ele estava gratuito na Amazon (e tem no Kindle Unlimited) e como me interessei pela sinopse, resolvi tentar. Adorei esse universo paralelo dos quadros que a Gleice criou. Imagina o quão incrível seria poder visitar diferentes épocas e lugares através das pinturas e não se limitar apenas ao que está retratado ali na tela, já que cada quadro é um pequeno mundo. 
Gostei bastante dos personagens e do desenvolvimento e crescimento deles. E mesmo se tratando de dois adolescentes, suas atitudes não são previsíveis e clichês como em tantos YAs. O livro também tem várias partes bem divertidas e que me fizeram rir.
Achei super interessante a abordagem da história do Brasil e poder relembrar esses acontecimentos que tive contato só na escola e estavam esquecidos em algum cantinho da minha cabeça.

-----❤❤❤-----

4 - Por Lugares Incríveis - Jennifer Niven

Sinopse: Violet Markey tinha uma vida perfeita, mas todos os seus planos deixam de fazer sentido quando ela e a irmã sofrem um acidente de carro e apenas Violet sobrevive. Sentindo-se culpada pelo que aconteceu, Violet se afasta de todos e tenta descobrir como seguir em frente. Theodore Finch é o esquisito da escola, perseguido pelos valentões e obrigado a lidar com longos períodos de depressão, o pai violento e a apatia do resto da família.
Enquanto Violet conta os dias para o fim das aulas, quando poderá ir embora da cidadezinha onde mora, Finch pesquisa diferentes métodos de suicídio e imagina se conseguiria levar algum deles adiante. Em uma dessas tentativas, ele vai parar no alto da torre da escola e, para sua surpresa, encontra Violet, também prestes a pular. Um ajuda o outro a sair dali, e essa dupla improvável se une para fazer um trabalho de geografia: visitar os lugares incríveis do estado onde moram. Nessas andanças, Finch encontra em Violet alguém com quem finalmente pode ser ele mesmo, e a garota para de contar os dias e passa a vivê-los.

Ganhei esse livro de uma amiga e estava adiando a leitura por achar que não estava preparada para lidar com alguns temas difíceis que são abordados por ele. Finalmente resolvi arriscar e no começo da leitura não estava conseguindo gostar dos personagens ou me sentir envolvida com a história e já tava ficando meio chateada achando que não seria um livro para mim. Mas ainda bem que foi só no começo mesmo. 
Achei que a Jennifer conseguiu abordar o suicídio e os transtornos psicológicos de uma maneira bem real e responsável. Digo responsável porque esse ano li também "Os 13 Porquês" e (correndo o risco de criar polêmica) não gostei da forma com que o autor tratou a depressão e o suicídio. Não sei como ficou na série, mas acho que algo tão profundo e relacionado diretamente com a pessoa que está passando por isso não deve ser tratado apenas levando em conta "fatores externos". Acho que a história não poderia ter parado no que as pessoas fizeram para a Hannah e sim tinha que entrar mais na questão de como ela estava e temos apenas uma visão superficial disso em meio aos seus relatos. Você pode me falar que é óbvio como uma pessoa se sentiria após passar pelo que ela passou, mas mesmo assim não acho que é algo que possa deixar de ser explorado. Acho que a ideia foi muito boa, de mostrar como podemos afetar irreparavelmente a vida de alguém, mas não acho que ela foi bem executada. 
O Finch me irritou bastante no começo, mas conforme fui o conhecendo melhor, pude entender o porquê dele fazer certas coisas e eu só queria poder fazer alguma coisa para ajudá-lo e abrir os olhos da sua família negligente. Apesar que eu sei que às vezes, por mais atenciosos que os pais sejam, não é fácil reconhecer certos sinais de que a pessoa não está bem quando ela não quer que eles sejam reconhecidos. Não consegui me decidir como me sinto em relação à Violet, não cheguei a gostar nem desgostar tanto assim dela, no geral foi uma personagem neutra. 
Essa história me tocou de muitas formas e algumas partes foram meio pesadas para mim, mas gostei muito de ter feito a leitura. 

-----❤❤❤-----

5 - Fissura - Karin Slaughter

Sinopse: Ansley Park, um dos bairros mais tradicionais de Atlanta, é cenário de uma tragédia. Cacos de vidro pelo chão, móveis quebrados, marcas de sangue pela casa, e o mais assustador: um corpo ensanguentado e com o rosto desfigurado jaz no corredor. Ao lado do cadáver, há um homem com uma faca na mão. Esta é a cena com a qual Abigail Campano se depara ao chegar em casa. Desesperada, ela estrangula o sujeito, que ela acredita ter matado sua filha, com as próprias mãos. Mas o que teria motivado aquele crime? Cabe ao agente Will Trent lidar com esse caso peculiar e cheio de reviravoltas. Mas nem o detetive nem os Campano imaginam trata-se apenas do início de seus mais terríveis dias.

Foi o primeiro thriller bom que li depois de muito tempo. Escolhi esse por se tratar de um território mais ou menos seguro, já que tinha gostado bastante de outro livro da autora e estar disponível no Kindle Unlimited. Eu falei um pouco dele no meu post de 5 dicas de livros do Kindle Unlimited e como já escrevi muito nesse post de hoje, passem lá para dar uma conferida :)

-----❤❤❤-----

6 - Boneco de Neve - Jo Nesbø

Sinopse: No dia da primeira neve do ano, na fria cidade de Oslo, o inspetor Harry Hole se depara com um psicopata cruel, que cria suas próprias regras; O terror se espalha pela cidade, pois um boneco de neve no jardim pode ser um aviso de que haverá uma próxima vítima. No caso mais desafiador da sua carreira, Hole se envolve em uma trama complexa e mortal, com final surpreendente.

Estou numa vibe de ler thrillers ultimamente porque ando chata para as leituras e eles conseguem prender minha atenção. Comecei a ler praticamente depois de ter lido Fissura e gostei demais também!
Eu já tinha um forte palpite em relação ao suspeito (talvez eu esteja me tornando uma ótima detetive), mas o livro me prendeu do começo ao fim. Gostei muito da dupla de detetives, Harry e Katrine, e do Oleg, o filho da ex namorada do Harry, que por sinal, não gostei nem um pouco. Parece que todos os detetives de livros precisam ter relacionamentos problemáticos. 
Nem sei qual volume da série esse livro é, mas não é o primeiro. Quis começar por ele porque vai ter filme no fim do ano e quero assistir e como os livros são praticamente independentes, não faz muita diferença. E tem no Kindle Unlimited também para quem se interessar ;) 

-----❤❤❤-----

E como andam as leituras de vocês? Já leram ou se interessaram por algum desses livros? Me contem nos comentários!

Você também pode gostar de

0 comentários

Obrigada por comentar!